Turbulência

É como se do nada você fosse teleportado para uma sala totalmente desconhecida, sem portas e nem janelas. Você ali sentado em uma cadeira não muito confortavel onde você apoiará os cotovelos ao joelho e sua face à sua mão. Onde começa tudo o que se viveu de ruim em sua vida, passar por sua cabeça te destruindo e o deixando-o imóvel e frágil. Implorar para parar e acabar com isso de uma vez é o que se mais deseja e também o mais improvavel de se acontecer, de parar com essa turbulência. O passado ruim , o pedaço ruim e triste da sua vida pode te destruir hoje, mas ao mesmo tempo o testa e treina para encarar um futuro melhor e mais próximo da perfeição. Um tombo hoje e uma caminhada amanhã por cima dos destroços quebrados do passado.

Continue lendo >>

A Raíz Podre



Você sempre tentou acreditar que me amava ou apenas fingia em acreditar na tal hipotese, enxergando somente uma pessoa em sua frente e sem dar importância para um fruto seu, para um alguém que leva seu sangue com ele, sua genética... infelizmente mas leva e pode ter certeza que a tal pessoa não queria isso hoje, não há orgulho em falar que obtem algo que nunca sairá de si! Arrogância, orgulho, frieza constiui o ser que você sempre foi e ainda é. Sem cansar de insistir no mesmo erro todos os dias, sem se cansar de incomodar aqueles que por 19 anos estiveram com você, você só se destrói a si mesmo de tão ignorante e burro intoleravel que é, um verme a mais sob esse solo que a terra ainda irá de comer. Olhe pro espelho! Terá coragem ? olhe sim e procure enxergar a real que todos vêem menos você, idiota. Não, idiota não, isso ainda é pouco! Um gande filho da puta isso sim. Encare à si mesmo homem! Pelo amor de Deus, caia na realidade da vida, na realidade do mundo e se destranque dessa sua mente minúscula! Amarre-se a si próprio e crie seu inferno novamente mas não tente levar isso para os outros, se fode sozinho em seu canto sem ninguém, sem nenhuma voz de um alguém que te respeitou um dia e que se importou com você. Você esteve cego, vivendo a mentira como um único momento congelado onde promessas falsas sempre prevaleceram em seus labios. Agora é hora de encarar o problema bem entre os olhos. Vivendo por sua conta aos 19 anos, nem um pouco de cuidado, Consumindo toda sua vida em frente de você queimando o fusível e fumando o resíduo. Ressentimentos vingativos passando e toda a culpa, vivendo uma vida de decadências, agindo sem saber das consequências e espalhando todas suas mentiras de leste a oeste enquanto cospe nos que mais importaram.Bem, me escute seu tolo ingrato. Aqui vem uma dose da realidade,você irá pra sua cova como um homem triste e solitário. A porta agora está fechada para o seu planinho patético. Isso continua, e continua, e continua. É muito fácil fugir sem se sentir culpado. Como você pode dormir um segundo à noite fingindo que tudo está bem? E ter nervos de me culpar por essa bagunça? Nunca na minha vida eu vi alguém tão ignorante ao dano que ele causou. Eu tentei me reparar, tentei ser um amigo, tentei buscar sua atenção, mas nada poderia atrai-lo para fora da sua concha egoísta de novo. Esperando que todos se curvem e beijem os seus pés. Você não vê que respeito não é uma rua de mão única, culpando a todos por tudo o que você fez de errado. Eu terei minha paz de espírito quando se cansar de ir contramão. Isso continua, a cada dia que passa são mostradas as verdadeiras cores. Como você pode dormir um segundo à noite fingindo que tudo está bem e ter atitude de me culpar por essa bagunça? Nunca na minha vida eu vi alguém Incosciente ao dano que casou. Isso continua, e continua, e continua... Chauvinista, sem coração, egoista, frio. Nunca na minha vida eu vi alguém tão "putamente" cego ao dano que causou. Você é a raiz podre na árvore genealógica.

Continue lendo >>

Apague


Preciso de você
Sonho com você
Te encontro
Te provo
Te fodo
Te uso
Te marco
Te quebro

Me perca
Me odeie
Me golpeie
Me apague
Me mate

- Me entender nunca foi uma questão de inteligência mas sim de sentir.

Continue lendo >>

O Pequeno Homem


Era uma vez um pequeno homenzinho, numa pequenina cidade, que vivia numa pequenina casinha, num pequeno mundinho chamado Terra. Esse pequeno homenzinho era tão comum que ele passou a ser incomum no meio das pessoas comuns. Ele vivia uma vida comum, com um cachorro comum, tinha um trabalho comum e um chefe comum. Quando as coisas ficaram tão comuns e amenas para o nosso pequeno homenzinho, ele costumou ir para um local conhecido como, pra você ouvinte, a net. Na net outro dia era um agente secreto numa missão perigosa, um piloto, um latino apaixonado, qualquer coisa que ele precisasse ser apenas naquele momento, aquele ouvinte, você podia dizer que ele era o super-homem. Mas, esse pequeno homenzinho teve uma visão que um dia ele poderia ser alguém de verdade no mundo real, fazer a diferença.
Esse é o conto da vida comum do pequeno homenzinho, a sua dedicação com aquilo que não existe de verdade, mas na sua pequenina cabeça.

E sim, isso me traz de volta a você, qual é a sua visão?

Continue lendo >>

Aprendendo a viver


E eu ainda sorrirei e aprenderei a fingir, sem mais sonhos para defender. Sem a verdade e realidade, sendo somente a mentira e falsidade, pois é melhor para todos e sem danos para ambos. Acordando todos os dias sem nada mais para acreditar e alimentar... Através de um tipo diferente de silêncio forçado, sendo obrigado a deixar noites de pensamentos no lixo, forçado a aceitar tudo com um grande sorriso. Fazendo vontades desaparecer como poeira no vento. Para quem chegou tão longe, voltar ZERO é algo destruidor. Trocando inocência por um inferno psicótico permanente e ouvindo vozes de milhas distantes dizendo coisas nunca ditas. Só enxergo sombras na luz do dia e ao caminhar invisíveis estranhos encarando meu caminho. Leio mentes nunca lidas, provo o perigo em cada palavra que eu digo. Olhando as páginas vazias atrás de mim, todos os danos de destroços passando por minha cabeça e padrões da minha vida que eu achava que me enfeitavam, revelam dolorosa vergonha e profundo lamento, TRAVANDO uma guerra dentro de minha cabeça causando aquilo que é desconhecido pra mim me fazendo ser o que são para mim. Então não reclame do meu ato, da minha atitude, do meu olhar e tom de voz, pois agora só sei ser o que são para mim. Me entender não era uma questão de inteligência, mas sim de sentir. Hoje já não me importo se me entende ou não, minha mente é avançada demais e os pensamentos reais e fortes demais para qualquer pessoa acompanhar!É incrível como essa raça de seres humanos são classificados. Uns nascem para sorrir, curti a vida, curtir o mundo sem se importar com nada. Uns nascem para ver o sorriso do alheio, se esforçar pra ser igual, tentar o mesmo sorriso, mas acaba suspirando triste e sozinho em seu canto se perguntando o porquê de ser tão difícil um simples ato de mostrar os dentes. Estou aprendendo a viver com as regras desse mundo, com as regras básicas da condição humana, um chateando o outro, ganância em cima de ganância, egoísmo tomando conta, frieza, desvalorização e desprezo! Não acho essa regra legal, mas fazer o que? Preciso acompanhar isso já que egocentrismo virou moda há muitos anos. É contra minha vontade, mas vou tentando os caminhos até achar um que me encaixe, um que me aceite e eu seja menos minusculo do que ja sou. Eu queria sentir algo queimando em mim novamente, era a bateria em meu interior para eu me sentir forte para encarar cada dia da minha vida, era a fonte de energia com autoconfiança e força ilimitada... Era algo REALMENTE bom que sinto saudade, realmente sinto saudade e tenho medo de não ter mais isso ou demorar tanto para voltar a queimar algo em mim novamente, pois é tão vazio, opaco, oco e nublado. Vou levando assim até a hora que eu não agüentar mais, se chegar esse momento não sei como vai ser e nem imaginarei mesmo, pois ja terei esquecido. Cada dia é algo novo, cada dia é um pensamento novo, mas com o mesmo sentimento e lembranças que me cercam e me esmaga. Só digo que é uma estrada escura e vazia quando se está sozinho, tomando a lição de que TUDO nunca será o suficiente e de que às vezes todos os nossos esforços são em vão. Me decido que por um bom tempo não me abrirei novamente e um sorriso falso é o que terá de mim. Meu coração ainda está machucado e triste sem forças, mas eu ficarei bem, espero que logo porque não é nada fácil ter isso todos os dias, é como carregar algo muito pesado pra onde quer que eu vá. Só estou aprendendo a viver.

Deixo aqui um sorriso falso x)

Abraço.

E um beijo pra você que se esquece de mim.




Continue lendo >>

  ©This story ends where it began...